Empresária piauiense é morta ao reagir a assalto no Mato Grosso

A piauiense Maria Deuselina, 34 anos, foi morta com dois tiros à queima roupa após reagir a um assalto na cidade de São José do Rio Claro, no estado do Mato Grosso. Deuselina era empresária e natural de Batalha, a 164 quilômetros ao Norte de Teresina.

O crime aconteceu nesta quarta-feira (24) quando Maria Deuselina aguardava o marido para fechar o estabelecimento. Segundo a Polícia Civil, dois homens chegaram em uma moto e pediram que a empresária entrasse no trailer e fosse até o caixa.

A empresária estava no balcão do estabelecimento e usava o celular quando o suspeito, de capacete, a segue até o local. Ela pegou uma pistola que estava debaixo do balcão e a aponta para o suspeito que ao perceber, dispara contra a empresária.

Deuselina morreu no local. Segundo a polícia, o suspeito efetuar os disparos é Cristiam Oliveira, de 18 anos

De acordo com a polícia, Maria Deuselina tinha posse de arma e não conseguiu efetuar o disparo porque a arma estava travada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *