Construtoras são alvo de mandados de busca e apreensão no Piauí

O Ministério Público do Estado do Piauí, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), em parceria com a Polícia Civil, a Polícia Militar e o Tribunal de Contas do Estado do Piauí, realizou na manhã de hoje (14/11) operação de execução de mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juiz da Comarca de Guadalupe contra as Construtoras Plennus Ltda e Ene Construtora & Serviços de Limpeza Ltda, e de seus sócios Nélio dos Santos Araújo e José Francisco da Silva, investigados por suposta fraude à licitação, desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro. Os mandados foram cumpridos nas cidades de Teresina e José de Freitas (sede das empresas).

Segundo informações obtidas junto ao TCE/PI, há indícios de que a construtora Plennus teria participado de esquema de desvio de recursos públicos, em contratos celebrados entre a empresa e o município de Guadalupe para a realização de obras de engenharia em unidades escolares do município. Dados do Tribunal de Contas apontam que a construtora não possui capacidade operacional para execução da obra, pois não tem registrados em seu nome funcionários e veículos. A sede da empresa em José de Freitas nem sequer possui identificação.

A Construtora Plennus foi criada em 2013, mas somente neste ano passou a contratar com o poder público. No primeiro contrato que celebrou com o município de Guadalupe, a empresa recebeu o valor de R$ 340.640,53 pela obra de ampliação da Unidade Escolar Sebastião Pereira Lima. A Plennus venceu ainda mais duas tomadas de preços em Guadalupe para ampliação de uma creche, no valor de R$ 612.024,48, e reforma e ampliação de outra escola, no valor de R$ 464.013,76.

O mandado de busca e apreensão na Ene Construtora & Serviços de Limpeza Ltda ocorreu em virtude de um dos investigados ser sócio da empresa, havendo suspeita de utilização da referida empresa para simular concorrência em procedimento de licitação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *