Polícias Federal e Militar realizam reintegração de posse de terra em Piripiri

Na manhã dessa quinta-feira, 19, homens da Polícia Militar, Polícia Federal e da Secretaria Nacional de Patrimônio da União, procederam à ação de reintegração de posse solicitada pela Prefeitura de Piripiri, de

Alunos da escola pública estadual José Narciso da Rocha Filho se aproximam da nota máxima na redação do ENEM

Alunas da escola pública estadual José Narciso da Rocha Filho, de Piripiri, chegaram próximo a nota máxima da redação do ENEM, que é de mil pontos. Stéfany Araújo e Daniele Melo, atingiram

Vereadores da base governista pedem anulação de concurso público em Piripiri

Alegando ilegalidades praticadas pelo ex-prefeito Odival Andrade, um grupo de vereadores da legislatura passada da Câmara de Piripiri, impetrou representação junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) pedindo a anulação do

Resultado final do Enem 2016 será divulgado hoje, informa Inep

Estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016 podem acessar o resultado final das provas nesta quarta-feira (18). Isso porque o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais

Delegada fala das ocorrências do final de semana e da situação caótica da prisão de Piripiri

A titular da Delegacia da Mulher, da Regional de Piripiri, delegada Lucivânia Vidal fez o plantão no final de semana e relatou a reportagem do Portal Sem Fronteiras as ocorrências do período.

AABB reúne funcionários, colaboradores e parceiros para festejar 50 anos em Piripiri

A AABB de Piripiri reuniu no final da tarde dessa segunda-feira, 16, funcionários, diretoria, entidades, parceiros e colaboradores da associação, para festejar os 50 anos do clube em Piripiri. Estiveram presentes, além

 

Polícias Federal e Militar realizam reintegração de posse de terra em Piripiri

Na manhã dessa quinta-feira, 19, homens da Polícia Militar, Polícia Federal e da Secretaria Nacional de Patrimônio da União, procederam à ação de reintegração de posse solicitada pela Prefeitura de Piripiri, de terreno conhecido como Invasão do Campo das Palmas. A área foi concedida ao município pela União, proprietária do local. Várias casas e barracos construídos por populares foram removidos, alguns debaixo de protesto dos posseiros. Várias famílias habitam na invasão desde 2015.

De acordo com presidente da FAMCC, Neide Carvalho, a área já possui um projeto urbanístico, onde estão planejadas novas casas, áreas comerciais, equipamentos comunitários e escola. “Acontece que dentro dessa área há muita venda de ilusão. Há, de fato, famílias necessitadas, sem teto, famílias que moravam de aluguel e que moram hoje em situação degradante, humilhante. Não há água, não há energia elétrica, sem nenhuma urbanização”, disse. A presidente contou, no entanto, que há outras famílias que estão no local, mas que não edificaram e não moram.

Neide explicou que a FAMCC, por participar do GTE, grupo de trabalho formado por Caixa, movimentos sociais, entre outras entidades, foi chamada para evitar violência, despejo ou desrespeito às pessoas. “Quando a Prefeitura tem uma liminar de reintegração de posse, tem que cumprir, então automaticamente as famílias seriam despejadas da área. Nós chegamos a um acordo para garantir que as famílias que estão morando, permaneçam paliativamente. Para isso o poder público municipal fará um levantamento e um cadastro delas. Dentro desse cadastramento, sentaremos Prefeitura e o grupo de trabalho para darmos uma solução para estas famílias”, disse Neide Carvalho.

Segundo a presidente, há famílias morando na área desde 2015. Há outras que chegaram ano passado, mas estão morando. “O que estamos fazendo aqui é intermediando. Não vamos dar terrenos. Mas o que a gente quer é o mínimo de diálogo”, encerrou.

Alguns barracos e casas foram retirados debaixo de protesto dos moradores.

De acordo a Polícia Militar, o material aproveitável da demolição foi levado para a Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social (SETAS).

Da Redação do Portal Sem Fronteiras

Foto; Rivelino Elson

 

Alunos da escola pública estadual José Narciso da Rocha Filho se aproximam da nota máxima na redação do ENEM

Alunas da escola pública estadual José Narciso da Rocha Filho, de Piripiri, chegaram próximo a nota máxima da redação do ENEM, que é de mil pontos. Stéfany Araújo e Daniele Melo, atingiram a marca de 960 pontos. Já Milena Ximendes, chegou aos 940 pontos. Stéfany pretende vaga em uma faculdade de direito e Daniele Melo, em dúvida entre a faculdade de Direito e Enfermagem. Da mesma forma, Milena Ximendes é pretendente a uma vaga para o curso de Direito.

Stéfany Araújo

Daniele Melo, 960 pontos na redação.

Outra dezena de alunos da escola José Narciso ficaram na faixa entre 740 e 880 pontos.

Para a professora de redação da escola, Maria Araújo, não foi surpresa o bom desempenho dos alunos na prova de redação. “Não foi surpresa para mim, já que durante todo o ano, a maioria se empenhou para conseguir o melhor”, diz a professora.

Milena Ximendes – 940 pontos na redação.

A diretora da Escola José Narciso, Inês Maria, atribui o resultado positivo ao trabalho coletivo da equipe. “Durante o ano elencamos vários temas e o tema cobrado pela redação do ENEM foi trabalhado pela equipe de Língua Portuguesa, Sociologia, Filosofia e História, daí o sucesso das notas”, disse a diretora.

O gerente de pré-Enem da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Wellington Soares, explica como o estudante pode avaliar a nota de corte para o ingresso na universidade.

“A nota de Corte é a nota mínima aceitável para a participação de determinado curso. Se ele deseja, por exemplo, o curso de medicina e deseja entrar na UFPI. Ano passado a nota de corte em Medicina deu 799 pontos, então se ele obteve uma nota abaixo disso, ele já pode esquecer, como ele pode procurar outras instituições, já que a nota de corte varia”, explica o professor.

Vereadores da base governista pedem anulação de concurso público em Piripiri

Alegando ilegalidades praticadas pelo ex-prefeito Odival Andrade, um grupo de vereadores da legislatura passada da Câmara de Piripiri, impetrou representação junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) pedindo a anulação do último concurso público realizado pela Prefeitura de Piripiri, no ano de 2016.

O pedido de anulação é assinado pelo vereador Domingos Gomes de Carvalho (Domingão), vereadora Nayla Barbosa (hoje presidente da Câmara de Piripiri), vereador Luiz Pereira de Oliveira, o então vereador e agora vice-prefeito, Murieel Queiroz, e os suplentes de vereador Reynolds Benício e Abraão Ximenes (que acabaram de assumir vaga na atual legislatura).

Os vereadores alegam no pedido de anulação que o concurso com 229 vagas extrapola o limite de gastos com pessoal previsto pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

Por fim, os vereadores também alegam que as vagas inviabilizariam futuras administrações municipais.

Resultado final do Enem 2016 será divulgado hoje, informa Inep

Estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016 podem acessar o resultado final das provas nesta quarta-feira (18). Isso porque o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) decidiu antecipar a divulgação, inicialmente prevista para o dia amanhã (19).

No resultado, os candidatos poderão saber quanto tiraram em cada uma das quatro provas do exame: ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática. Também terão acesso à nota da redação, cujo tema foi a intolerância religiosa no Brasil.

Teoria da Resposta ao Item

A correção do Enem é feita com base na metodologia da Teoria de Resposta ao Item (TRI), que não estabelece previamente um valor fixo para cada item. O valor de cada questão varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item. Assim, um item que teve grande número de acertos será considerado fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. O estudante que acertar uma questão com alto índice de erros, por exemplo, ganhará mais pontos por aquele item.

No final do ano passado, cerca de 6 milhões de candidatos fizeram o Enem em todo o país. As notas da prova podem ser usadas para pleitear vagas no ensino superior público pelo Sisu, bolsas no ensino superior privado pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Além disso, os candidatos com mais de 18 anos podem usar o Enem para receber a certificação do ensino médio.

 

Fonte: Agência Brasil

 

Delegada fala das ocorrências do final de semana e da situação caótica da prisão de Piripiri

A titular da Delegacia da Mulher, da Regional de Piripiri, delegada Lucivânia Vidal fez o plantão no final de semana e relatou a reportagem do Portal Sem Fronteiras as ocorrências do período.

Segundo ela, na sexta-feira, dia 13, houve uma ocorrência de embriaguez ao volante foi registrada.

No sábado, mais uma ocorrência envolvendo bebida e direção, desta vez na zona rural de Piripiri, no povoado Pequi, que resultou em vítima fatal. De acordo com a delegada, ainda está sendo aguardado o resultado da perícia para saber da responsabilidade do acidente.

No domingo, a polícia teve de ser acionada mais uma vez para abordar um homem que estava embriagado e incomodando a vizinhança. O acusado desacatou os policiais e os atacou. A polícia fez a apreensão do veículo nas proximidades do Sossega Bar, no centro da cidade.

Presídios

A delegada Lucivânia Vidal também falou a reportagem do Portal Sem Fronteiras sobre a situação do presídio de Piripiri, tendo como referência a onda de violência nos presídios pelo Brasil afora. De acordo com a delegada, a situação do presídio de Piripiri é caótica. Ela relatou e apresentou à reportagem a condição de caos em que se encontra a prisão, fechado por decisão da justiça local. “As celas estão interditadas há mais de dois meses e estão sucateadas. Em Piripiri nós já sofremos muito com fugas e superlotação, sem esquecer que em 2016 um preso foi morto por companheiros de cela”, disse a delegada.

Ainda de acordo com a Dra. Lucivânia Vidal, os presos em flagrante atualmente são detidos numa sala. “Se for crime afiançável e se o preso pagar a fiança é liberado. Se não for crime afiançável ou se não pagar a fiança, são transferidos imediatamente para a penitenciária de Esperantina”, finalizou.

A reportagem do Portal Sem Fronteiras estará de olho nessa situação preocupante pela qual passa a segurança pública de Piripiri.

Como ficam as famílias dos presos que tem que se deslocar até a cidade de Esperantina para estar próximas aos seus filhos? Quem poderá resolver esta situação? Fica a pergunta.

Reportagem: Rivelino Elson

AABB reúne funcionários, colaboradores e parceiros para festejar 50 anos em Piripiri

A AABB de Piripiri reuniu no final da tarde dessa segunda-feira, 16, funcionários, diretoria, entidades, parceiros e colaboradores da associação, para festejar os 50 anos do clube em Piripiri. Estiveram presentes, além do presidente da AABB, Antonino Melo (Nino), o diretor de esportes do clube, Valter Sousa, demais membros da diretoria, o prefeito de Piripiri, Luiz Menezes, o secretário municipal de educação, Domingos Carvalho (Domingão), secretário municipal de cultural, Ducival Araújo, o procurador do município, Christiano Amorim, o gerente da agência do Banco do Brasil em Piripiri, Josias Teixeira, entre outros amigos da AABB.

O secretário de cultura do município, Ducival Araújo, em sua fala, se colocou a disposição da AABB para parcerias e garantiu apoio para projetos futuros do clube.

Para o gerente do Banco do Brasil em Piripiri, Josias Teixeira, a AABB mostra sua importância quando se coloca à disposição do município para trabalhos comunitários e outras atividades. Ele parabenizou a administração do presidente do Antonino José. Para ele, Antonino transformou o clube piripiriense em uma das melhores AABBs do Piauí. “A AABB e a comunidade de Piripiri estão de parabéns. É preciso que a comunidade valorize e se associe”, disse Josias.

O gerente do Armazém Paraíba de Piripiri, Hilton Osório, parceiro da AABB, destacou os frutos da atual administração da AABB.

Já o prefeito Luiz Menezes também comunga da ideia de que a AABB de Piripiri não deixa a desejar a nenhuma do Estado. “Nós estaremos apoiando todas as atividades da AABB. A administração do município será parceira durante toda a nossa administração”, garantiu o prefeito.

Para o presidente da AABB, Antonino Melo, a sua administração à frente do clube tem sido de muitos desafios e vitórias. “Tivemos muitos desafios,  mas, o mais importante é que continuamos sonhando. Estou muito feliz por estar aqui hoje na minha cidade, à frente da AABB e poder festejar esses 50 anos com todos vocês”, encerrou o presidente.

Durante todo o ano a AABB terá programação especial dos seus 50 anos.

Baixo nível das águas do Açude Caldeirão preocupa piripirienses

O Açude Caldeirão, um dos principais pontos turísticos de Piripiri, tendo sido escolhido uma das sete maravilhas do Piauí, está com sua capacidade bastante reduzida no seu volume de água.

A equipe de reportagem do Portal Sem Fronteiras, esteve visitando o açude neste final de semana e pôde constatar que o volume de água está muito abaixo de sua capacidade normal.

Moradores do local e visitantes informaram que nunca tinham visto o Caldeirão tão seco em nesse mesmo período em outros anos.

Alguns comerciantes e moradores informaram que além da pouca quantidade de chuvas registradas no mês de janeiro, outro fator que pode está agravando a situação é o desperdício de água utilizada principalmente para a irrigação e outras finalidades.

Reportagem: Rivelino Elson

 

Ocupantes de terrenos federais fazem manifestação em frente a Prefeitura de Piripiri

 

Uma grande quantidade de pessoas incluindo homens, mulheres, idosos, motoqueiros e até crianças participaram na manhã dessa segunda-feira (15) de uma manifestação que percorreu ruas e avenidas da cidade em direção ao prédio da Prefeitura Municipal de Piripiri.

Segundo um dos participantes da manifestação, o senhor Antônio Wilson da Cruz Gomes, que é ocupante, na madrugada de sexta-feira (13) para sábado (14) os moradores receberam a visita dos advogados que estiveram no local em nome do atual prefeito de Piripiri, Luiz Menezes com o objetivo de fazer um recadastramento.

O morador ocupante disse que o objetivo era derrubar as cercas e só não houve a derrubada porque eles argumentaram que só a Polícia Federal é que teria poder de agir no local já que se trata de uma área federal.

A área em frente à prefeitura ficou ocupada das 10 às 13 horas. Os ocupantes pediam a presença do prefeito de Piripiri Luiz Menezes e gritavam palavras de ordem. Agentes da Sutran (Superintedência de Trânsito de Piripiri) fecharam as vias de acesso a prefeitura e uma equipe da polícia militar fez a segurança do prédio.

 

AABB de Piripiri completa 50 anos

Manoel Carvalho e o senhor José Gumercindo.

No dia de hoje, 16 de janeiro de 17, a AABB de Piripiri completa 50 anos da sua inauguração na cidade. Em 1967, no século passado, foi criado o clube que viria a tornar-se o mais tradicional da vida dos piripirienses.

Manoel Carvalho, funcionários do Banco do Brasil com o senhor Roland Jacob.

A primeira sede, localizada na Avenida Tomaz Rebêlo, marcou época por suas promoções sociais (festas, bailes de carnaval) e esporte, já com a primeira quadra de voleibol, ainda de areia.

O primeiro presidente, Manoel Ferreira de Carvalho, natural de Belém (PA), foi também responsável pela transferência da sede para a atual localização, na época, Av. Pres. Castelo Branco, atual, Av. Deputado Raimundo Holanda, 746. A área da atual foi doada para a AABB pelo empresário Roland Jacob, proprietário das Casas Marc Jacob, na época com filial em Piripiri, a pedido do senhor José Gumercindo, gerente do Banco do Brasil no período.

Nesses 50 anos a AABB de Piripiri tem se destacado por suas promoções de eventos, lazer, cultura, esporte e na integração social, reunindo pessoas de Piripiri e de cidades vizinhas.

Muitos nomes passaram pela presidência do clube em Piripiri, desde o primeiro, Manoel Carvalho, até o de hoje, o bancário Antonino José de Melo Neto (Nino), responsável por tornar o clube cada vez mais atraente e aconchegante para sócios e visitantes.

AABB de Piripiri venha fazer parte dessa história. Associe-se!

 

 

 

Wellington busca investimentos em novas ferrovias para o Piauí

O governador Wellington Dias, acompanhado do secretário de Transportes, Guilhermano Pires; da secretária de Educação, Rejane Dias e da deputada estadual Belê Medeiros, se reuniu, nesta segunda-feira (16), em Lisboa, Portugal, com a diretoria do Grupo Barraqueiro, um dos mais tradicionais em transportes de passageiros, mercadorias e logística. A intenção é atraí-los para investimentos em mobilidade urbana em Teresina e a viabilização de rotas ferroviárias no Estado.

O presidente da empresa, Humberto Pedrosa, juntamente com o diretor do grupo, Mário Jorge Arruda, o secretário-geral, J. Manoel Silva Rodrigues e o preposto do grupo no Brasil, Dimas Barreira, receberam a comitiva estadual na sede da empresa e apresentou toda sua estrutura aplicada em terras lusitanas. A equipe de governo foi levada, também, para conhecer estações de embarque, cabines de comando e fazer um passeio em um dos trajetos da linda de metro da cidade. Na visita, o governador conheceu o formato de terminais intermodais, equipados com lojas de variedades, lanchonetes, restaurantes, creches, escolas e academias.

Wellington conhece sistema de transporte administrado pelo Grupo Barraqueiro, em Portugal( Foto: CCom)Durante o encontro, Dias destacou o interesse em desenvolver uma Parceria Público Privada (PPP) para viabilizar o Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) de Teresina. “O Estado está disposto a encontrar um parceiro que tenha know-how. O Sistema é complexo e não é qualquer empresa que está apta a parceria”, destacou o governador. O objetivo do Estado é agilizar esse processo e receber estudos técnicos ainda este mês, atentando para os equipamentos mais adequados para a região.

O segundo projeto apresentado pela comitiva piauiense foi a conclusão da ferrovia que liga São Luís, Teresina e Fortaleza, além de um trecho de 300 km até Parnaíba. “Estaremos terminando um porto em nosso litoral e também queremos incrementar o transporte de qualidade para o turismo”, explicou o governador.

“Nossa especialidade é fazer transporte especializado com baixo custo. Nas operações que fazemos começamos em parceria com o governo, agora, porém, passamos a trabalhar sem compensações públicas. Portanto, fique certo de que queremos operar um sistema de baixo custo e alta qualidade. Temos grande experiência nisso”, falou o presidente do Grupo Barraqueiro, Humberto Pedrosa.

Com uma frota de 2.725 ônibus, o Grupo Barraqueiro iniciou suas atividades em 1915, transportando mercadorias para feiras em barracas. A partir de 1980, começa a se inserir fortemente no mercado turístico e de transportes em Portugal, chegando a marca de 143 milhões de passageiros atendidos.